Pagina Inicial Brasil Rocinha tem 3 mortos, 16 presos e 22 fuzis apreendidos em 3 dias de operação

Rocinha tem 3 mortos, 16 presos e 22 fuzis apreendidos em 3 dias de operação

Desde que começaram a operação conjunta na sexta-feira (22), forças federais e polícias estaduais registraram 3 mortos, 16 presos e 22 fuzis apreendidos na Rocinha, segundo balanço feito pela Secretaria de Segurança Pública do RJ. Na tarde deste domingo (24), um homem foi preso e um fuzil encontrado na comunidade.

Veja a lista das mortes, prisões, detenções e apreensões:

  • 3 mortes
  • 16 prisões
  • 2 detenções de menores de idade
  • 22 fuzis apreendidos
  • 8 granadas
  • 2 bombas de fabricação caseira
  • 2 pistolas
  • 84 carregadores de fuzil
  • 2.151 munições

Quase mil militares estão na comunidade nestes três dias para conter uma guerra entre traficantes rivais. Parte dos criminosos fugiu para as matas do entorno,espalhando confrontos para varias regiões do rio

Neste domingo, a partir de informação recebida pelo Disque-Denúncia,PMs encontraram e prenderam,por volta de 14h, Emanuel bezerra de Araujo de 19 anos ,conhecido como playboy . Ele tinha dois mandados de prisão em aberto, segundo a polícia, e carregava uma réplica de pistola.

Emanuel Araújo, que seria do bando de Rogério 157 e também invadiu a Rocinha, chegou à à 11ª DP (Rocinha) com a mão machucada. À polícia, disse que foi punido pelo novo líder da Rocinha, mas não explicou o porquê.

A polícia crê que o traficante Rogério Avelino da Silva, conhecido como Rogério 157,conseguiu voltar para o morro,onde esta escondido. Ele é apontado como pivô da guerra entre criminosos iniciada ha uma semana.

Após a prisão de Emanuel, na área de mata, em cima de uma garagem de ônibus, policiais do 23º BPM (Leblon) e da UPP Rocinha apreenderam um fuzil AK-47, um carregador e munições.