Pagina Inicial Entretenimento Tunico da Vila põe hip hop no samba do pai, Martinho da Vila

Tunico da Vila põe hip hop no samba do pai, Martinho da Vila

Foto: Divulgação

A mistura de samba com rap vem sendo recorrente na música brasileira, miscigenada pela própria natureza. Filho de Martinho da Vila, Tunico da Vila investe nessa mistura e põe hip hop no samba do pai.

No caso, de um samba, Quero quero, composto e lançado por Martinho há 42 anos no álbum Presente (1977).

Quero quero ressurge amanhã, 7 de junho, nas plataformas de música em single produzido por Rildo Hora, nome fundamental na fase áurea da discografia de Martinho.

Tunico revive Quero quero em gravação feita com a adesão do próprio Martinho, do coletivo Melanina MC’s e dos rappers BK, Dexter, Rappin’ Hood, Kamau e Rashid.

A intenção foi inserir mensagens sobre liberdade, em defesa dos direitos humanos, no samba, em sintonia com a ideologia de uma letra que inclui versos como “Sou errado, sou perfeito / Imperfeito, sou humano / Sou um cidadão direito / Meu direito é soberano”.

Com G1