Pelo menos 25 escolas cidadãs integrais devem se tornar técnicas em 2022, na Paraíba

Pelo menos 25 Escolas Cidadãs Integrais se tornarão técnicas em 2022 e passam a oferecer cursos técnicos integrados ao ensino médio, com cursos implantados nas áreas de turismo; hospitalidade e lazer; recursos naturais; gestão e negócios; informação e comunicação; controle e processos industriais. Em 2022, ao todo, serão ofertadas 75 mil vagas nas ECIs.

Em 2018 a Paraíba tinha 100 escolas em tempo integral, já em 2019 o número foi ampliado para 153 escolas neste modelo, em 2020 eram 229 escolas e em 2021 chegou ao patamar de 302 escolas integrais na Paraíba, com investimentos de mais de R$ 20 milhões. Todas as 223 cidades paraibanas possuem, pelo menos, uma escola em tempo integral.

O Programa Escola Cidadã Integral é um novo modelo de escola pública que tem a proposta de organização e funcionamento em tempo único (integral). É uma política pública e está inserida no Plano Nacional de Educação, de acordo com a meta 6: “Oferecer educação em tempo integral em, no mínimo, 50% das escolas públicas, de forma a atender, pelo menos, 25% dos (as) alunos (as) da educação básica” e também no Plano Estadual de Educação.

O programa tem como foco a formação dos jovens por meio de um desenho curricular diferenciado e com metodologias específicas, que apresentam aos estudantes do Ensino Médio possibilidades de se sentirem integrantes do seu projeto de vida. Essas escolas são organizadas com salas temáticas, laboratórios de informática e ciências, e outros espaços de vivências, onde os jovens podem transitar, a partir do seu projeto de vida, em suas competências cognitivas e socioemocionais, de forma a desenvolver as suas potencialidades, sempre apoiado no protagonismo juvenil.

Dentro dessa proposta, existem também as Escolas Cidadãs Integrais Técnicas (ECITs). Elas seguem o mesmo modelo que a Escola Cidadã Integral, mas têm como diferencial os cursos técnicos, que visam à formação dos jovens para atuarem no mercado de trabalho. Ambas têm como foco proporcionar aos jovens se reconhecerem como protagonistas em seus locais de atuação.

Compartilhe esse matéria:

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Matérias Relacionadas: