Por conta da proibição das visitas de familiares a detentos, como uma das medidas de prevenção ao coronavírus, a Defensoria Pública do Estado da Paraíba recomendou que a Secretaria de Administração Penitenciária da Paraíba (Seap) aumente o número de refeições aos reeducandos. A recomendação é do dia 20 de março. A recomendação vale para todos os estabelecimentos penais do estado.

A justificativa é de que a paralisação no fornecimento de alimentos pelos familiares, em virtude da suspensão de visitas como medida de contenção e prevenção ao novo coronavírus (Covid-19), pode prejudicar a alimentação dos jovens reclusos. Entre as recomendações estão:

  • aumento de três para cinco refeições diárias em todos os estabelecimentos penais;
  • a melhoria na qualidade da alimentação que promova a saúde dos reeducandos e previna doenças, conforme recomenda a Anvisa;
  • distribuição dos alimentos em recipientes apropriados;
  • manutenção ininterrupta do abastecimento d’água;
  • disponibilização a todos os reeducandos e agentes penitenciários meios de higiene e equipamentos de proteção contra o Covid-19, a exemplo de máscaras e luvas.

O acesso a cinco refeições diárias é um direito que os reeducandos têm. A preocupação é maior agora porque, com a suspensão das visitas, eles deixam de receber os alimentos que as famílias normalmente levam”, explicou a coordenadora da Gerência Executiva de Execução Penal e Acompanhamento de Penas Alternativas (Geepapa), Waldelita Cunha.

Jornal da Paraíba

A terceira fase do concurso do Curso de Formação de Oficiais da Polícia Militar da Paraíba (CFO-PM 2020) foi temporariamente adiada devido ao estado de calamidade pública decretado em razão do coronavírus (Covid-19). A informação foi divulgada pela corporação nesta terça-feira (24). A terceira fase da seleção consistia na entrega dos exames de saúde e estava prevista para acontecer no dia 1º de abril.

A suspensão temporária do processo levou em consideração a Lei Federal nº 13.979, que dispõe sobre as medidas para enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do Covid-19; o decreto estadual, que declara situação de emergência no estado da Paraíba; e o decreto estadual, que declara estado de calamidade pública, em razão da grave crise de saúde pública decorrente da pandemia do coronavírus.

Essa terceira fase, composta de exames e testes clínicos, bem como exames laboratoriais, acontece em todas as edições do concurso do CFO e tem caráter eliminatório. O objetivo é avaliar o estado geral de saúde, física e mental do candidato, e determinar as condições indispensáveis ao desempenho da profissão policial militar. O ato que adiou a próxima fase foi publicado no site da corporação e ainda não há previsão para o retorno normal do processo.

Outra novidade é quanto à validade dos exames, que deverão ser entregues quando o concurso for normalizado. Antes, eram válidos todos aqueles coletados ou realizados 90 dias anteriores à data da realização da terceira fase. Agora, a seleção vai considerar todos os exames que tenham sido feitos do dia 2 de janeiro deste ano, até a futura data da realização da terceira fase, que ainda será divulgado em tempo oportuno aos candidatos.

Resultado do exame psicológico é divulgado

Ainda nesta terça-feira (24), também foi publicado o resultado da segunda fase do certame, que consistiu no exame psicológico aplicado no dia 15 de março aos 150 candidatos habilitados.

Os candidatos aprovados em todas as fases, dentro do número de vagas, que são de 25 para homens e cinco para mulheres, ingressarão no Curso de Formação de Oficiais, que forma o policial para as funções de direção, chefia e comando da corporação. O curso tem duração de três anos letivos, acontece Academia de Polícia Militar do Cabo Branco (APMCB), no Centro de Educação da PM, em João Pessoa.

Jornal da Paraíba

Um homem de 39 anos foi preso nesta terça-feira (24) suspeito de assaltar veículos de carga na BR-101, no trecho que liga os estados da Paraíba e Rio Grande do Norte. Ele informou à Polícia Rodoviária Federal (PRF) que foi afastado do trabalho para cumprir quarentena após apresentar sintomas semelhantes aos da Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus.

O suspeito informou ainda que está com sinais de febre, tosse e dor de cabeça. Questionado pelos policiais sobre o motivo de estar na rua desrespeitando a quarentena, ele se manteve em silêncio.

Além do assalto, o homem também deverá responder pelo crime de desrespeitar determinações do poder público para impedir a introdução ou a propagação de uma doença contagiosa.

Com ele, estavam outros dois homens. Todos foram detidos em uma abordagem da PRF. No carro em que eles estavam, foi encontrado um revólver calibre .38. O veículo também era roubado e clonado. O trio foi encaminhado para a Central de Polícia Civil.

Os homens presos moram nos municípios de Santa Rita e Bayeux. Os outros dois suspeitos possuem passagem pela polícia. O de 30 anos, pelo crime de roubo. Já o de 31, por associação ao tráfico e recepção.

Uma mulher de 42 anos foi morta a facadas na noite de terça-feira (24) em Cajazeiras, no Sertão da Paraíba. De acordo com a Polícia Militar, o principal suspeito é o vizinho da vítima, Antônio Salvador da Silva, de 82 anos. Ele foi preso em flagrante e encaminhado para a Cadeia Pública de Cajazeiras.

Segundo a polícia, o crime aconteceu quando Izonete Sales da Silva estava bebendo com amigas na calçada da casa dela. A vítima teria tentado fugir, mas o suspeito desferiu vários golpes de faca nas costas dela.

Conforme a PM, a mulher morreu a poucos metros de casa. Segundo relatos das testemunhas e do filho do idoso à polícia, a vítima e o suspeito tinham uma rixa. A Polícia Civil investiga o caso 35.

Jornal da Paraíba

Uma mulher de 62 anos foi morta a tiros em frente da casa onde morava, no fim da noite desta terça-feira (24), na Comunidade Maria de Nazaré, no bairro do Grotão, em João Pessoa. De acordo com a Polícia Civil, não há informações sobre a motivação do crime.

A vítima, identificada como Maria José Bezerra Melo, estava sentada em uma cadeira em frente da casa onde morava quando foi atingida por cinco tiros de um revólver calibre.38. O caso foi registrado na delegacia de homicídios da Central de Polícia Civil.

A mulher morreu no local do crime. Até as 8h10 desta quarta-feira (25) não havia informações sobre os suspeitos e ninguém foi preso.

Policiais do 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar), Choque e bombeiros do 3º BBM (Batalhão de Bombeiro Militar), com o apoio da Prefeitura de Araçagi, realizaram na noite dessa terça-feira (24), a Operação Previna-se pelas ruas da cidade, conscientizando as pessoas para se recolherem em suas residências e prevenindo a contaminação pelo Novo Coronavírus.

A Operação Previna-se, promovida pela Polícia Militar da Paraíba, está sendo realizada também em outras cidades da área do 4º BPM.

Os três pacientes que tiveram os testes confirmados para o coronavírus estão curados, de acordo com o secretário de estado da saúde, Geraldo Medeiros. O primeiro caso foi confirmado no dia 18 de março e o terceiro nesta terça-feira (24). Conforme a assessoria da SES, os três ja estão fora do período de 14 dias de transmissão da doença, estão bem e em casa.

O último caso confirmado para o coronavírus foi anunciado nesta terça-feira pela Secretaria de Estado da Saúde (SES). A paciente se trata de uma mulher, 31 anos, residente em João Pessoa com histórico de viagem para São Paulo no dia 14 de março.

Ela retornou a João Pessoa no dia 16 de março. Ao apresentar os primeiros sintomas, entrou em contato com a SES, que procedeu com a testagem para a Covid-19.

Os outros dois casos confirmados na Paraíba são de um homem de 60 anos, morador da cidade de Igaracy, a cerca de 454 km de João Pessoa, no Sertão paraibano, e de um outro idoso, também de 60 anos, morador de João Pessoa.

De acordo com o secretário de saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros, a paciente está bem clinicamente. “Ela pertence aquele grupo de 80% das pessoas com coronavírus que evoluem com sintomas de uma síndrome gripal, sintomas leves que regridem espontaneamente”, comentou.

Ainda de acordo com Geraldo Medeiros, o resultado do exame que identificou o terceiro caso confirmado foi proveniente de uma testagem feita no Laboratório Central de Saúde Pública da Paraíba (Lacen-PB).

“Iniciamos na segunda-feira a realização dos exames para o coronavírus na Paraíba no Lacen, laboratório próprio do governo do estado. Tivemos 22 resultados ontem, 21 casos descartados e um foi confirmado. Nesta terça estamos realizando 40 exames e à tarde teremos os resultados desses exames”, explicou.

De acordo com Geraldo Medeiros, a aplicação desses exames na Paraíba vai permitir uma maior celeridade na emissão de resultados de exames e a consequente divulgação para população.

Jornal da Paraíba

O São João 2020 de Cabedelo, na Região Metropolitana de João Pessoa, foi cancelado e o dinheiro que seria investido na festa vai ser destinado para o combate ao novo coronavírus (Covid-19) e para ações sociais, segundo informou a prefeitura do município.

O todo, seriam investidos R$ 450 mil na festa, que vão ser convertidos em ações para a secretaria de saúde e assistência social do município. Conforme a prefeitura, com o cancelamento da festa devido à pandemia, o investimento vai ser feito em medidas de contenção, prevenção e cuidados.

Segundo nota publicada pela prefeitura na terça-feira (24), o valor que seria para a realização do “Arraiá do Litoral” vai ser destinado para a compra de equipamentos para as unidades de saúde e proteção aos trabalhadores da área, além de ações assistenciais voltadas às pessoas em situação de rua.

A prefeitura informou ainda que adotou outras medidas administrativas de combate ao novo coronavírus, como a entrega dos veículos alugados e a economia gerada com esta medida sendo destinada para a secretaria de saúde.

Por decreto, o município determinou o fechamento do comércio e a suspensão das aulas na rede municipal, além do atendimento presencial nas repartições públicas.

A prefeitura do município de Sumé, no Cariri Paraibano, cancelou os festejos de São João em virtude da pandemia do coronavírus. A decisão foi divulgada na terça-feira (24) através do portal do município. De acordo com a prefeitura, a programação de São João já estava definida e seria divulgada em abril.

Segundo o prefeito de Sumé, Éden Duarte, a decisão está apoiada pela Câmara de Vereadores. Conforme o gestor, a decisão foi baseada nos prognósticos feitos pelo Ministério da Saúde de que a queda na curva de contaminação no Brasil só possa acontecer em setembro.

Na decisão, a prefeitura afirma que é prudente que se reúnam todos os esforços para o combate à contaminação do coronavírus e, principalmente, que a cidade possa estar resguardada para dar apoio à população, em possíveis casos que possam aparecer no município.

A lâmina d’água do Açude Epitácio Pessoa, no município de Boqueirão, Cariri da Paraíba, aumentou 7 cm, entre a terça-feira (24) e as primeiras horas desta quarta-feira (25), segundo dados divulgados pelo Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs-PB). De acordo com o levantamento, foi registrado um aporte de 2.186.503 m³ de água, o que levou o reservatório a atingir 58,94% da capacidade total.

Segundo os dados do Dnocs, no período de 1 a 25 de Março, o açude teve um aumento de 7,96 metros na lâmina, um aporte hídrico de 174.533.810 m³.

De acordo com especialista em recursos hídricos Isnaldo Cândido, faltam menos de cinco metros de aumento na lâmina d’água para que o reservatório transborde. O reservatório recebeu recargas de água após fortes chuvas que atingiram mananciais localizados no Cariri paraibano, que abastecem o Epitácio Pessoa.

Desde 2013 o açude não atingia metade da capacidade total. Em 2017, o açude de Boqueirão chegou a atingir 2% da capacidade total. Atualmente o reservatório abastece Campina Grande e outros 19 municípios.