Há cada dados numéricos de vidas ceifadas pela Covid 19, nos leva a uma profunda reflexão diante de inúmeros fatos que vem ocorrendo em nosso país. Até quando? Quem responde pelas mortes, onde muitas estão acontecendo quando já temos vacinas? Perguntas que não encontram respostas que sejam capazes ainda de trazer acalento.

A cada vida silenciada esperamos consolo, apoio e conforto de pessoas próximas e também de líderes que estejam sensibilizados a nossa condição atual e capazes de ter empatia suficiente para se compadecer e lutar por dias melhores aos seus. Vejo a cada morte, chefes mundiais se posicionando e se compadecendo da dor daqueles que perderam os seus para este vírus. Enquanto isto, o Brasil a cada novo recorde de mortes, tem um líder de executivo nacional que toma qualquer atitude pífia, incapaz de transparecer solidariedade e ações concretas para evitar mais dor e sofrimento ao seu povo.

Perdi meus pais para a Covid 19 em 2020 em um curto período de tempo, e entre outras sensações, me fez despertar para a necessidade ainda maior de algo que parece que tem se tornado cada vez mais ausente em tantos, a humanidade!

Como dói no coração de um filho que perdeu os pais para o vírus, ver o Presidente da República desdenhando do sofrimento e morte imitando a falta de ar que muito sentem e precisam ser intubados posteriormente, assim como minha mãe precisou. Como dói no coração de um filho ver milhões desperdiçados em medicamentos ineficazes que poderiam ser utilizados na compra de vacinas para salvar vidas que se perderam porque não há doses suficientes para todos, enquanto os responsáveis se esquivam de suas responsabilidades. Como dói ver o nome de Deus ser usado para justificar a falta de empatia ao próximo, e que na realidade em nada representa a face de um Deus que é amoroso e misericordioso, e não vingativo e cruel como muitos  tentam propagar.

Nossa saúde mental tem sido cruelmente abalada por toda a situação de perdas constantes de números que se transformaram em nomes conhecidos, e não bastasse,  por falas e atitudes constantes de um Presidente que parece inerte as súplicas de seu povo que o elegeu na esperança de cuidar dos seus, e que diariamente desdenha do sofrimento alheio. Tem sido abalada por pessoas próximas do nosso convívio e até mesmo familiares que concordam com tais atos desumanos e desdenham da mesma forma. Isso me faz lembrar a fala do Senador Humberto Costa, ao questionar o ex- Ministro da Saúde Pazzuello que alegou atraso na compra das vacinas porque os preços estavam muito altos, onde perguntava: “Quanto vale uma vida ministro?”. Como dói ouvir de pessoas afirmando que não irão tomar a vacina porque não confiam na eficácia da ciência, mas acreditam religiosamente em cada falácia inverídica proferidas pelo Presidente.

Enquanto muitos tentam incansavelmente justificar cada fala e atitude reprovável e vergonhosa de um Presidente, que tão somente ostenta e esbraveja o cargo que ocupa, por meio de dados que não condizem com a realidade ou com infodemias inconclusivas e duvidosas, só as pessoas que viram seus parentes ou amigos serem sepultados em um saco plástico com um caixão vedado é que sabem realmente descrever com precisão o sentimento e necessidade que se tem.

Quando começamos a perder a humanidade? A perder a empatia? A perder a sensibilidade humana de se solidarizar? Lutamos diariamente não apenas pela defesa de nossas vidas, mas temos que lutar também por uma humanidade que nos devia ser comum a nossa condição humana. Nosso cansaço ultimamente tem sido muito mais na procura por pessoas que estejam conosco em um único lado disponível nessa história, o lado da humanidade! E ainda bem que elas existem, apesar dos negacionistas, sim, elas existem. Eu encontrei você encontrou, e vamos continuar buscando e encontrando mais pessoas assim para provar que existe sim empatia, humanidade. E que há sim também um Deus que é amor, misericordioso e justo! E não o “deus” que tantos propagam vingativo e cheio de ódio.

Em meio ao caos, seja a voz que acalma, o ouvido que escuta o desabafo, o ombro que acolhe, a mão que acalenta, a vida que inspira e traz a esperança de dias melhores.

A Prefeitura Municipal através da Secretaria de Infraestrutura e da Secretaria de Agricultura, realizou a instalação de caixas d’água em alguns bairros da cidade, com o intuito de minimizar impactos gerados para população por conta da atual crise hídrica que o município está vivendo, desde o comunicado do colapso no abastecimento causado pela falta de água na barragem local.

Foram instaladas 4 (quatro) reservatórios em pontos estratégicos da cidade, sendo nos bairros do Alto Damião, Centro, Caixa D’água e Conjunto Oliveira Lucena.

A Prefeitura aguarda posicionamento da Cagepa para indicar um local onde deverá ser feita a captação de água potável para encher os reservatórios e iniciar a distribuição.

Confira as imagens:

O deputado estadual Raniery Paulino (MDB) foi mais um representante do MDB a refutar a possibilidade de aliança entre o senador Veneziano Vital do Rêgo (MDB) e o ex-senador Cássio Cunha Lima (PSDB) visando as eleições de 2022. Raniery reafirmou que o projeto do MDB é ao lado do governador João Azevêdo (Cidadania).

“Na verdade o que o senador Veneziano expôs na nossa reunião da executiva foi que não tinha havido nenhuma conversa política. Houve uma conversa porque o ex-senador Cássio tem uma empresa de assessoramento de projetos dentro do Congresso, e foi em relação a isso. Não houve nenhuma conversa de parte política”, falou.

A especulação de aliança entre os rivais históricos em Campina Grande ganhou força após o presidente do MDB em João Pessoa, vereador Mikika Leitão, defender a união entre ambos. Para ele, uma chapa entre Veneziano e Cássio faria a Paraíba “tremer”. Raniery reafirmou que essa é uma opinião pessoal de Mikika e que o compromisso do MDB é com o governador João Azevêdo.

“Foi uma ideia de fato levada ao público pelo presidente do MDB local, Mikika, que tem feito um bom trabalho no MDB de João Pessoa. Mas isso foi uma opinião isolada, não é o pensamento do partido e não é o meu pensamento”, finalizou.

PolêmicaPB

O presidente estadual do PSDB, deputado federal Pedro Cunha Lima (PSDB), confirmou a indicação de Romero Rodrigues (PSD) como candidato do grupo ao governo do estado em 2022. O anuncio foi feito durante coletiva de imprensa, em João Pessoa, e conta com a presença do ex-senador Cássio Cunha Lima, a deputada federal Edna Henrique e os deputados estaduais Camila Toscano e Tovar Correia Lima.

O ex-senador Cássio afirmou que o anuncio do PSDB é um gesto de desprendimento do seu presidente estadual, já que, segundo Cássio, Pedro abriu mão da disputa para buscar consenso dentro do grupo. “Esse é um gesto de grandeza e desprendimento de Pedro, de deixar uma aspiração e sonho pessoal como projeto para a Paraíba, digamos que adiado, e retirar assim sua postulação. O anuncio é consensual e incondicional de candidatura do ex-prefeito Romero Rodrigues”, disse Cássio Cunha Lima

Um programa da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) disponibiliza ajuda psicológica de cuidado com a saúde mental para alunos da instituição e para o público em geral, de forma gratuita, em Campina Grande. Segundo a universidade, por conta da pandemia da Covid-19, todos os atendimentos devem acontecer de forma online.

De acordo com a universidade, os alunos que têm interesse em participar, precisam mandar um e-mail para [email protected] e solicitar o atendimento. Após a confirmação dos dados, os estudantes estarão automaticamente agendados e o setor responsável pelos atendimentos entrará em contato com os alunos nos horários marcados.

Para o publico em geral, a UEPB informa que a coordenação do curso de psicologia deve realizar uma reunião para definir as estratégias de atendimento para este semestre de 2021, mas as pessoas que têm o interesse em participar podem solicitar o atendimento através do preenchimento de formulário.

Segundo a instituição, 900 alunos receberam atendimento psicológico oferecido pela Pró-Reitoria Estudantil. A UEPB ainda destaca a importância do serviço para os estudantes nesse período de pandemia.

Entre os serviços disponíveis estão: o atendimento psicoterápico para estudantes da UEPB, atendimento psicológico para crianças e adolescentes no Centro de Atenção Psicossocial Infantil, atendimento psicoterápico para a comunidade em geral, suporte de escuta individual e trabalhos com grupos em escolas públicas, suporte de escuta individual e trabalhos com grupos no contexto hospitalar e trabalho com agentes comunitários de Saúde no contexto da pandemia da Covid-19.

Visando estimular o consumo sustentável de energia, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social de Pirpirituba, em parceria com a Energisa, vai oferecer à população a troca de lâmpadas incandescentes ou fluorescentes por aquelas mais econômicas, de LED. A ação será realizada de 05 à 06 de Agosto de 2021 das 7h30min às 17h30min, na Rua Presidente João Pessoa, em frente a Praça da Cultura.

O evento social destina-se à realização de palestra sobre eficiência energética e troca de lâmpadas. O objetivo é dar continuidade ao Projeto Nossa Energia, possibilitando a população de baixa renda a oportunidade de reduzir o seu consumo de energia. Cada unidade consumidora residencial terá direito a até cinco lâmpadas e, para isso, basta o consumidor apresentar os documentos: RG, CPF, NIS e uma fatura da conta de energia.

Veja mais detalhes:

O prefeito de Bananeiras, Matheus Bezerra, assinou na tarde desta quarta-feira (28) um decreto que institui o programa ‘Minha Casa de Papel Passado’ no município. O programa regulamenta a Regularização Fundiária no município de Bananeiras e de maneira exemplar garantirá a entrega do registro de imóveis aos bananeirenses.

De acordo com a Prefeitura, a Regularização Fundiária Rural e Urbana Municipal será conduzida pela Comissão de Regularização Fundiária Municipal, esta que irá instituir todos os mecanismos e procedimentos para viabilizar os métodos.

Ainda de acordo com órgão, todas as etapas do programa serão amplamente divulgadas na localidade e nos veículos de comunicação.

Programa Minha Casa de Papel Passado

O programa busca a solução de problemas de regularização fundiária, como falta de registro imobiliário em conjuntos habitacionais, ocupações espontâneas, loteamentos irregulares, sedes, vilas e distritos de municípios que ainda não tenham a situação jurídica regular. O programa Papel Passado tem recursos do Orçamento Geral da União (OGU),

Seu objetivo é apoiar estados, municípios, Distrito Federal (DF), entidades civis sem fins lucrativos e defensorias públicas dos estados e do DF, na implementação de atividades para promover sua integração à cidade e de garantir a segurança jurídica da posse do imóvel.

Os municípios selecionados participarão de pesquisa sobre capacidade institucional e perfil de demandas para fins de regularização fundiária urbana. Eles deverão ser beneficiados com apoio técnico para a elaboração de diagnóstico e de estratégia de regularização fundiária de assentamentos irregulares urbanos indicados na proposta.

Uma operação da Polícia Federal foi deflagrada na manhã desta quinta-feira (29), em João Pessoa. A Operação Relações Perigosas teve como objetivo dar cumprimento a nove mandados de prisão preventiva e 10 mandados de busca e apreensão e investigar o uso de contas bancárias no tráfico de drogas. Também resultou no bloqueio de cerca de 200 contas bancárias.

Segundo a polícia, os mandados judiciais estão sendo cumpridos em João Pessoa e apenas um mandado de prisão preventiva foi direcionado para investigado domiciliado em Alhandra.

Segundo a PF, durante o trabalho investigativo foi percebido que mesmo presos, os suspeitos estavam conseguindo ter uma atuação no ramo de tráfico de drogas, contando com apoio de terceiros fora do sistema prisional.

A PF verificou que várias pessoas tiveram suas contas bancárias utilizadas para transitar valores relativos a atividades ilícitas, na maioria das vezes tráfico de drogas. Como o dinheiro do crime transitou em contas de pessoas físicas e jurídicas, houve pedido de sequestro de valores de mais de 200 contas bancárias, não se sabendo no momento qual o valor total bloqueado na data desta quinta.

Estão participando da ação desta quinta (29) 70 policiais federais, além de contar com o apoio de 20 policiais militares.

Ainda conforme a PF, a depender da participação de cada uma das pessoas investigadas, elas poderão vir a responder pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico de drogas, lavagem de dinheiro e/ou organização criminosa.

A Polícia Civil prendeu dois homens investigados por tráfico de drogas e por um duplo homicídio qualificado. A prisão aconteceu durante uma operação da Polícia Civil em Sumé, no Cariri da Paraíba. De acordo com a polícia, eles são

Durante a operação, na casa de um dos homens detidos a polícia apreendeu 280 papelotes de maconha, seis pedras de cocaína, cerca de R$ 700 em dinheiro e cadernos com anotações de movimentação financeira do tráfico de drogas.

Os suspeitos e o material apreendido foram encaminhados à Delegacia de Monteiro, no Cariri, onde permanecem à disposição da Justiça.

Um policial militar foi morto na noite desta quarta-feira (28), em Malta, no Sertão da Paraíba. Segundo informações da Polícia Civil, o cabo Manoel Messias Paulino foi morto a tiros por um homem depois de entrar em luta corporal com outro homem. Após diligências na manhã desta quinta-feira (29), pelo menos quatro suspeitos de envolvimento no crime foram presos e o suspeito de atirar no PM foi morto durante confronto com a polícia.

Conforme as informações da polícia, o cabo Paulino trabalhava no destacamento da Polícia Militar de Condado, no Sertão. Na noite desta quarta, por volta das 22h, o PM estava de folga em um quiosque quando um homem se aproximou do local e, depois de tentar sacar uma arma, entrou em luta corporal com o policial. Depois outro homem chegou ao local e atirou a queima roupa contra o PM.

Ainda de acordo com a polícia, ainda não se sabe a motivação do crime. Até as 8h30 desta quinta-feira (29), a polícia continuava em diligências. Os quatro suspeitos detidos foram encaminhados para a Delegacia de Patos.