O município de Bananeiras, Brejo paraibano, lançou está semana a programação da primeira ‘Noite de Luzes da Serra’, que marca a abertura dos festejos natalinos na cidade.

O evento acontecerá no dia 28 de novembro, às 19h, com o acender das luzes de natal da Rua Kermit Costa até a Praça Epitácio Pessoa, ao som da banda Lira dos Artistas. Das 19h30 às 21h ocorre a apresentação do Jingle Bell – Um conto de Natal Espetáculo da Imaginart. Posteriormente acontece a sessão de fotos com Papai Noel.

Em contato com a assessoria de imprensa da prefeitura municipal de Bananeiras, foi informado que nos próximos dias a programação completa do mês natalino será divulgada.

A grave crise hídrica que assola o Brejo Paraibano está com seus dias contados. A falta de chuvas e o crescimento da população fizeram o Brejo sofrer uma crise que dura quase 20 anos de racionamento, mas que nos últimos anos se intensificou ao ponto de várias cidades decretarem estado de calamidade.

O deputado estadual Chió, sempre atento às pautas da região, arregaçou as mangas e começou a articular parceria para garantir recursos para a construção da Adutora do Brejo. Chió visitou pessoalmente todos os deputados e senadores paraibanos: “Protocolamos o mesmo ofício em cada um dos gabinetes, pois, apesar do governador ter anunciando que destinará parte desses recursos, é fundamental que o outro montante venha da Bancada Federal paraibana, para que essa obra possa finalmente sair do papel e matar a sede do povo que tanto precisa”, finalizou.

A crise hídrica começa a ter seu fim em 2022. O deputado Federal Efraim Filho, se uniu a Chió e também lutou pelos recursos para a construção da Adutora. Nessa sexta (19) o líder da bancada confirmou o valor de R$10 milhões para a construção da adutora.

A adutora deverá interligar o Sistema Boqueirão/Campina Grande ao Brejo, abastecendo cidades como Esperança, Remígio, Arara, Casserengue, Solânea e Bananeiras, e beneficiando uma população de 130 mil pessoas.

O deputado estadual Chió antecipou que está visitando e sensibilizando pessoalmente todos os deputados e senadores paraibanos, para que na reunião de bancada o Brejo saia vitorioso. “Protocolamos o mesmo ofício em cada um dos gabinetes, pois, apesar do governador ter anunciando que destinará parte desses recursos, é fundamental que o outro montante venha da Bancada Federal paraibana, para que essa obra possa finalmente sair do papel e matar a sede do povo que tanto precisa”, finalizou.

Será prorrogada, até o dia 30 de novembro, a campanha nacional de multivacinação no município de Bananeiras, Brejo paraibano. Crianças e adolescentes menores de 15 anos, público-alvo da campanha, seguem sendo atendidos nos 11 postos de saúde da bananeirense.

Segundo a Prefeitura de Bananeiras, são ofertadas 14 vacinas para crianças na rede municipal.

São elas:

  1. BCG;
  2. Hepatite B;
  3. Rotavírus;
  4. Pentavalente;
  5. Pólio Inativada;
  6. Pneumocócica 10 Valente;
  7. Meningite C;
  8. Tríplice Viral;
  9. Hepatite A;
  10. Varicela;
  11. Pólio Oral;
  12. Tríplice Bacteriana (DTP);
  13. Febre Amarela;
  14. HPV, ofertada para meninas entre nove e 14 anos de idade.

Já para os adolescentes, são ofertadas cinco vacinas. São elas:

  1. ACWY (meningite e doenças meningocócicas);
  2. Tríplice Viral;
  3. Hepatite B;
  4. Dupla Bacteriana – Difteria e tétano;

Vale ressaltar que o calendário nacional de vacinação contempla não só crianças e adolescentes, mas, também, adultos, idosos, gestantes. Para ter direito às vacinas, é necessário realizar um agendamento e comparecer aos postos com documento de identidade oficial com foto, cartão de vacinação e o cartão do SUS.

O deputado estadual Chió (Rede/PB) agradeceu aos deputados federais e senadores paraibanos pelo empenho de R$ 10 milhões, junto ao Ministério do Desenvolvimento Regional, para a Adutora do Brejo.

O parlamentar concentrou esforços em Brasília, nos dias 26 e 27 de Outubro, e 10 e 11 de Novembro, com o objetivo de sensibilizar a Bancada Federal da Paraíba, diante do colapso de água no Brejo paraibano.

“A obra da Adutora do Brejo não é barata. O governador João Azevêdo precisava dessa emenda de bancada para iniciar a obra, e tenho certeza, de que a vinda das águas do São Francisco para nossa região nos trará sustentabilidade hídrica, porque já são mais de vinte anos sofrendo com constantes colapsos”, enfatizou Chió.

O parlamentar fez questão de agradecer aos doze deputados federais paraibanos e aos três senadores, através do atual coordenador da Bancada Federal, o deputado Efraim Filho (DEM), que ressaltou o trabalho essencial de Chió (Rede), para a conquista.

“O deputado Chió foi um grande entusiasta dessa obra, defensor desde o primeiro momento, porque sabe que a região precisa e está atravessando um dos momentos mais difíceis da sua história. A bancada federal cumpriu o seu papel, foi sensível ao seu pedido, e fico feliz enquanto coordenador, porque sei que esses recursos estão indo para matar a sede do povo. O compromisso de Chió foi essencial para que essa luta se tornasse vitoriosa”, ressaltou Efraim Filho.

A obra da Adutora do Brejo contemplará cidades como Esperança, Remígio, Casserengue, Arara, Solânea e Bananeiras, beneficiando uma população de mais de 120 mil pessoas.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação

Deputado Estadual Chió (Rede/PB)

O cantor Genival Lacerda será homenageado no IV Encontro Nacional de Forrozeiros e no III Fórum Nacional do Forró de Raiz. Os eventos serão realizados simultaneamente, de 13 a 17 de dezembro, no Espaço Cultural José Lins do Rego e na Usina Cultural Energisa, em João Pessoa.

Durante a programação, o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) entregará à comunidade forrozeira o certificado do Forró como Patrimônio Cultural do Brasil. Além disso, também acontecerá a entrega de certificados a personalidades e do Troféu do Encontro Nacional dos Forrozeiros.

Os encontros acontecem de forma híbrida e recebem caravanas de Alagoas, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Espírito Santo, Minas Gerais, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte e São Paulo. Estes são os primeiros eventos com público presente promovido pela Associação Cultural Balaio Nordeste, no período de retomada das atividades culturais na Paraíba.

As ações integradas reunirão artistas, detentores das matrizes do Forró, dançarinos, produtores culturais, comunicadores, pesquisadores e gestores públicos. O público poderá conferir as apresentações ao vivo pela TV Câmara e TV Assembleia de João Pessoa, também pelo canal do Balaio Nordeste no YouTube.

Todas as atividades presenciais seguirão as normas de prevenção ao coronavírus (Covid-19) divulgadas pelos órgãos de saúde, sendo exigido na entrada o cartão de vacinação com as duas doses da vacina aplicadas.

Veja também  10ª Festival Cinema com Farinha tem abertura nesta quarta-feira (24), em Patos

Sobre o Encontro Nacional de Forrozeiros e Fórum de Forró de Raiz

Os encontros são realizados pelo Fórum Nacional Forró de Raiz e pela Associação Cultural Balaio Nordeste, patrocinado pela Energisa e pelo Governo do Estado da Paraíba. São co-patrocinados pela Fundação Espaço Cultural (Funesc), Empresa Paraibana de Turismo (PbTur), Rádio Tabajara, Empresa Paraibana de Comunicação (EPC), Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope), Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP).

As iniciativas têm o apoio da Usina Cultural Energisa, Núcleo Interdisciplinar de Pesquisa e Extensão em Economia Solidária e Educação Popular da UFPB (Nuplar), Universidade Federal da Paraíba (UFPB), Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), Instituto Orgulho de Ser Nordestino, Associação Respeita Januário e Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).

Os eventos nasceram em João Pessoa, capital da Paraíba, com o intuito de proteger, preservar e fomentar o forró e os seus elementos constituintes tradicionais. As iniciativas buscam também debater as condições de produção, circulação e preservação dos ritmos, das danças e das festas que dão forma e sentido a essa expressão cultural identitária da cultura nordestina.

O prefeito de Cajazeiras José Aldemir Meireles (PP) anunciou nesta terça-feira (23) que o carnaval da cidade, localizada no Sertão da Paraíba, não será realizado em 2022. A justificativa é o aumento de casos de Covid-19 e crescimento na ocupação de leitos do Hospital Regional de Cajazeiras (HRC).

Segundo a Prefeitura Municipal, a festa de carnaval de Cajazeiras é uma das maiores do estado, recebendo pessoas de diversas localidades. Portanto, mesmo com o avanço na vacinação contra a Covid-19, ainda não há condições sanitárias para a realização do evento em segurança.

De acordo com o último boletim da Secretaria de Estado da Saúde (SES) divulgado nesta terça-feira (23), Cajazeiras é o quarto município da Paraíba com maior número de casos de Covid-19. Até o momento, são 11.722 no total. A ocupação de leitos na região do Sertão é de 39%.

A filiação do presidente Jair Bolsonaro ao Partido Liberal (PL) será oficializada no próximo dia 30 de novembro, às 10h30. O anúncio foi feito no final da tarde desta terça-feira (23), em nota divulgada pela assessoria do partido.

“A definição da data é produto de encontro que, na tarde de hoje, 23, reuniu o presidente da República e o presidente nacional do PL, Valdemar Costa Neto”, informou a sigla. O evento ocorrerá em Brasília, no Complexo Brasil 21, região central da capital.

Mais cedo, em entrevista a uma rádio da Paraíba, Bolsonaro havia dito que estava tudo “praticamente resolvido” entre ele e Costa Neto.

A filiação de Bolsonaro ao PL deveria ter ocorrido no último dia 22, mas foi adiada de comum acordo entre as partes por causa de indefinições sobre a composição dos palanques estaduais nas eleições do ano que vem. A principal demanda de Bolsonaro é garantir uma candidatura própria do partido ao governo de São Paulo. No estado, no entanto, o PL se encaminhava para apoiar a candidatura do atual vice-governador, Rodrigo Garcia (PSDB).

Durante a tarde, o senador Wellington Fagundes (PL-MT), líder do partido no Senado, esteve no Palácio do Planalto e afirmou, após deixar o local, que o impasse em torno de uma candidatura própria do PL em São Paulo estaria resolvido.

“São Paulo está totalmente encaminhado. Provavelmente a candidatura do ministro Tarcísio [Freitas] a governador”, disse. Titular do Ministério da Infraestrutura e um dos auxiliares mais próximos de Bolsonaro, Tarcísio Freitas poderá ser o candidato do presidente ao governo em São Paulo.

O governo federal, por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), reconheceu a situação de emergência por causa da situação de estiagem em 150 municípios paraibanos (veja a lista completa das cidades mais abaixo). A portaria com o anúncio foi publicada, na quarta-feira (24), no Diário Oficial da União.

No último dia 29 de outubro, o governo da Paraíba decretou situação de emergência devido à estiagem nos mesmos municípios, pelo período de 180 dias.

No caso do governo estadual, o Poder Executivo Estadual fica autorizado a abrir crédito extraordinário para auxiliar na situação, além de convocar voluntários para o reforço das ações de respostas ao desastre natural.

Com o decreto paraibano, os municípios ficam dispensados de licitações, os contratos de aquisição de bens e serviços necessários às atividades de resposta ao desastre, locação de máquinas e equipamentos, de prestação de serviços e de obras relacionadas com a reabilitação do cenário do desastre, desde que possam ser concluídas no prazo estipulado em lei.

Lista de municípios em situação de emergência reconhecida pelo Governo Federal

  1. Água Branca
  2. Alcantil
  3. Algodão de Jandaíra
  4. Aparecida
  5. Arara
  6. Araruna
  7. Areia
  8. Areial
  9. Aroeiras
  10. Assunção
  11. Bananeiras
  12. Baraúna
  13. Barra de Santa Rosa
  14. Barra de Santana
  15. Barra de São Miguel
  16. Belém do Brejo do Cruz
  17. Bernardino Batista
  18. Boa Ventura
  19. Boa Vista
  20. Bom Sucesso
  21. Bonito de Santa Fé
  22. Brejo dos Santos
  23. Cabaceiras
  24. Cachoeira dos Índios
  25. Cacimba de Areia
  26. Cacimba de Dentro
  27. Cacimbas
  28. Cajazeiras
  29. Cajazeirinhas
  30. Camalaú
  31. Campina Grande
  32. Caraúbas
  33. Carrapateira
  34. Casserengue
  35. Catolé do Rocha
  36. Caturité
  37. Conceição
  38. Condado
  39. Congo
  40. Coremas
  41. Coxixola
  42. Cubati
  43. Cuité
  44. Curral Velho
  45. Damião
  46. Desterro
  47. Diamante
  48. Dona Inês
  49. Emas
  50. Esperança
  51. Fagundes
  52. Frei Martinho
  53. Gado Bravo
  54. Gurjão
  55. Imaculada
  56. Ingá
  57. Itabaiana
  58. Jericó
  59. Joca Claudino
  60. Juazeirinho
  61. Junco do Seridó
  62. Juru
  63. Lagoa
  64. Lagoa Seca
  65. Lastro
  66. Livramento
  67. Mãe D`Água
  68. Manaíra
  69. Marizópolis
  70. Massaranduba
  71. Matinhas
  72. Mato Grosso
  73. Maturéia
  74. Mogeiro
  75. Montadas
  76. Monte Horebe
  77. Mulungu
  78. Natuba
  79. Nazarezinho
  80. Nova Floresta
  81. Nova Olinda
  82. Nova Palmeira
  83. Olho D`Água
  84. Olivedos
  85. Parari
  86. Passagem
  87. Patos
  88. Pedra Branca
  89. Pedra Lavrada
  90. Piancó
  91. Picuí
  92. Pocinhos
  93. Poço Dantas
  94. Poço de José de Moura
  95. Pombal
  96. Princesa Isabel
  97. Puxinanã
  98. Queimadas
  99. Quixabá
  100. Remígio
  101. Riachão
  102. Riacho de Santo Antônio
  103. Riacho dos Cavalos
  104. Salgadinho
  105. Salgado de São Félix
  106. Santa Cecília
  107. Santa Cruz
  108. Santa Helena
  109. Santa Luzia
  110. Santa Teresinha
  111. Santana dos Garrotes
  112. Santo André
  113. São Bentinho
  114. São Bento
  115. São Domingos
  116. São Domingos do Cariri
  117. São Francisco
  118. São João do Cariri
  119. São João do Rio do Peixe
  120. São João do Tigre
  121. São José da Lagoa Tapada
  122. São José de Caiana
  123. São José de Espinharas
  124. São José de Piranhas
  125. São José de Princesa
  126. São José do Bonfim
  127. São José do Brejo do Cruz
  128. São José do Sabugi
  129. São José dos Cordeiros
  130. São Mamede
  131. São Sebastião de Lagoa de Roça
  132. São Sebastião do Umbuzeiro
  133. São Vicente do Seridó (Seridó)
  134. Serraria
  135. Serra Branca
  136. Solânea
  137. Soledade
  138. Sossêgo
  139. Sousa
  140. Tacima
  141. Taperoá
  142. Tavares
  143. Teixeira
  144. Tenório
  145. Triunfo
  146. Uiraúna
  147. Umbuzeiro
  148. Várzea
  149. Vieirópolis
  150. Zabelê

De 2019 para cá, Danielle Rodrigues, presidente estadual do Republicanos Mulher, símbolo de liderança feminina no Vale do Mamanguape e filha da prefeita Eunice, vem ‘pavimentando o caminho’ rumo a ALPB. Ela é servidora pública, concursada na Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e secretária de Finanças da Prefeitura de Mamanguape. Danielle está incluída na lista dos pré-candidatos para Assembleia Legislativa para as eleições de 2022, e quer representar a região a partir de fevereiro de 2023. “Caso seja eleita, será bom para Mamanguape e a população dos outros onze municípios do vale”, como disse em entrevista a imprensa, o promotor aposentado, José Rodrigues Pessoa, conhecido por doutor Quequinha, seu pai e maior entusiasta.

Danielle disse ao Blog, que o projeto para disputar uma das vagas para a Casa de Epitácio Pessoa, não é dela – é do Vale do Mamanguape, é da Paraíba, e a pedido de filiados do partido, lideranças e de amigos.

A pré-candidata afirmou ainda que sua candidatura está fora de polêmica, é para unir o vale em torno de um projeto para representá-lo com coragem, ética, coerência e lealdade, no legislativo estadual em 2023.

Segundo informações de fontes, Danielle será votada em todas as cidades do vale, além da grande João Pessoa, e em alguns municípios do Brejo, Cariri e Sertão.

Por: Chico Soares e Napoleão Soares